AccueilDrap Precedente Textes Videos Info Moteur rech Dico Dico Traduction


TREM DAS ONZE


Demônios da Garoa  Lien internet

Trem das Onze


Faz, faz, faz faz faz faz, faz carinho dumdum,
Faz carinho dumdum, faz carinho dumdum

Não posso ficar
Nem mais um minuto com você
Sinto muito amor
Mas não pode ser
Moro em Jaçanã
Se eu perder esse trem
Que sai agora às onze horas
Só amanhã de manhã

E além disso mulher
Tem outra coisa
Minha mãe não dorme
Enquanto eu não chegar

Sou filho único
Tenho minha casa pra olhar

Faz, faz, faz faz faz faz, faz carinho dumdum,
Faz carinho dumdum, faz carinho dumdum

(variante
Quais, quais, quais, quais, quais, quais,
Quaiscalingudum)
Bam zam zam zam zam zam
Quaiscalingudum ...
Quaisgudum, tchau! )

Le train de onze heures


Fais, fais ... (un calin)


Je ne peux pas rester
Pas même une minute de plus avec toi
Je sens beaucoup d'amour
Mais il ne peut pas en être ainsi
Je vis à Jaçanã
Si je manque (perds) ce train
Qui part maintenant à onze heures
Seulement demain matin (je le pourrai)

Et en outre, femme
Il y a autre chose
Ma mère ne dort pas
Tant que je n'arrive pas

Je suis fils unique
J'ai ma maison à suveiller
Notes